Vicio em sofrimento

Nem todas as pessoas conseguem identificar quando possuem um vício: elas estão tão acostumadas com suas atitudes e comportamentos, que sequer questionam se eles são realmente saudáveis. Dentro desta categoria de "vícios invisíveis", encontramos o mais comum, disseminado e pouco questionado comportamento humano: o vício em sofrimento. Será que você está contaminado por ele e não sabia? Nesta série de 4 vídeos, falamos sobre os principais componentes ocultos de nossos problemas. Ocultos, porque...
More

Rótulos e julgamentos

Não julgue para não ser julgado Aprendemos que não devemos julgar porque “com a vara que medirdes, sereis medido” não é verdade? No entanto, julgar é o que mais fazemos... O Facebook é testemunha ocular do fenômeno. Em tempos de crise política, como a que estamos vivendo agora, as postagens se dirigem aos governantes: “ladrão”, “corrupto”, “mentiroso” é o que se lê muitas vezes de pessoas aparentemente normais, ao lado de mensagens do mesmo perfil falando de amor, paz e esperança... Tempo...
More

Qual é seu nível de sofrimento?

Sofrimento faz parte da vida, certo? Pra maioria das pessoas, sim. Para uns poucos, simplesmente não. Eu costumo dizer sempre que a dor é obrigatória, mas o sofrimento é opcional. É mais ou menos assim: você corta o dedo, e dói. Mas ninguém te obriga a sair gritando e contando essa "novidade" pela cidade. A maneira como encaramos as situações da vida é que farão o diferencial entre aquilo que é necessário, e a parte que é criada por pura inconsciência. Por exemplo: se você vive numa...
More

De onde surge nosso sofrimento?

Honestamente, você já se perguntou sobre isso? Será que nascemos destinados a sofrer ou isso é apenas um acidente cósmico? Caso nunca tenha refletido sobre o tema, então vou tentar ajuda-lo na questão: Você está num determinado trabalho, descontente, e costuma repetir para si mesmo: minha vida seria muito melhor se eu estivesse em outro emprego agora... Sua família / amigos não te entendem. “Como podem não compreender tudo que tenho feito? Eles deveriam me tratar de outra maneira... ” ...
More

O prazer mórbido do sofrimento

Falar em prazer e sofrimento é questionar limites muito tênues em nosso comportamento. No entanto, a busca por ultrapassar estes limites costuma ser constante, viciante e destrutiva... Talvez a neurociência possa ajudar: sabe-se que a área cerebral responsável pela recepção de sinais de prazer é adjacente a área da dor. Será por isso as pessoas costumem confundir estas duas sensações - extremos de uma mesma natureza, mas opostos em sua polaridade? Aos olhos da nova psicologia, já constatamos o...
More

O apego ao sofrimento

Apego: um nome tão pequeno pra algo tão complicado – e pegajoso! O poeta Virgílio menciona que “mesmo que tivéssemos língua e palato de aço, não conseguiríamos enumerar cabalmente todos os nossos defeitos”. Mas não tenho dúvidas de que dentre todos, talvez este seja o mais persistente e, ao mesmo tempo, o mais transparente! Já dizia Buda que o apego é a origem do sofrimento. E ele tem razão – afinal, a maioria sequer sabe que ele existe; e quando descobre, ainda fica sabendo que ele está em tu...
More

A dor física e o sofrimento emocional

Já escrevi num artigo anterior: a dor é obrigatória, mas o sofrimento é opcional. Hoje vou buscar separar uma coisa de outra. É interessante saber que apesar dos méritos da ciência moderna, mecanismos aparentemente simples do nosso corpo, como a dor, ainda são um mistério. Sabe-se que em nosso cérebro existe uma área responsável por receber a informação do desconforto corporal e que estas mensagens transitam através do sistema nervoso. E só! A dor é um mecanismo necessário à manutenção da vida. ...
More

A dor é obrigatória – mas o sofrimento é opcional!

Se você está passando por um mau pedaço, talvez o texto abaixo possa te ajudar. Mas para compreendê-lo melhor é preciso querer enxergar a verdade. Portanto, baixe a guarda e encaixote suas crenças. Pra começar, entenda que nosso mundo é regido por leis (assim como a gravidade) – nem sempre visíveis a olho nu, mas perceptíveis através dos resultados em nossa vida. Você pode não acreditar nelas, mas isso não impede você de se machucar ao pular de um prédio! Lembre-se que muitas vezes o absurdo de ...
More